No fim do mundo: Ushuaia - Um Olhar Novo
2

No fim do mundo: Ushuaia

 

Quer ir para o fim do mundo?? 

 

O ponto habitado mais ao sul do continente americano é a cidade de Ushuaia, na Argentina. Às margens do Canal Beagle, e aos pés da Cordilheira dos Andes, a pequena e charmosa cidade possui várias atrações.
 
Para se chegar até lá, o melhor trajeto é através de avião; a maior parte dos voos se dá por Buenos Aires, tanto pela Lan (LATAM) quanto pela Aerolíneas Argentinas.
 
O aeroporto de Ushuaia é bem pequeno (por causa da geografia local), e pode acontecer, principalmente por razões climáticas, de ocorrer alguma alteração voo. Fica a primeira dica: não programe passeios para o dia em que chegar!
 
A pequena cidade abriga estações de esqui, passeio de barco, patinação no gelo, bosques e lagos naturais, trenós com cães… Tem muita atividade!!
 
Como sugestão, fica um roteiro de 5 (cinco) dias – sem contar ida e volta – a não ser que você não queira esquiar.
 
Também chamada de “Terra do Fogo”, a cidade mais austral do mundo recebe este apelido em razão da visão dos descobridores ao avistarem fogos dispersos e fumaça das fogueiras dos nativos, que pareciam boiar sobre as águas.
 
 
Os primeiros habitantes eram indígenas Yámanas, e para colonizar o local decidiu-se construir um presídio. Posteriormente, a região foi declarada zona franca (livre de impostos), gerando a instalação de muitas empresas, especialmente de eletrônicos.
 
Embora seja zona franca, os preços são altos em razão da dificuldade de acesso à cidade.
 

O Canal Beagle interliga os Oceanos Atlântico e Pacífico e abriga, em frente a cidade de Ushuaia, as Islas de Los Lobos, Los Pajaros e Bridges. De Ushuaia se avista, do outro lado do canal, o Cabo Horn, localizado no Chile.

 
Na cidade todas as empresas de turismo trabalham com os mesmos valores de passeios.  Melhor explicando: não há cobrança diferenciada para os ingressos, traslados, mas algumas ofertam adicionais como o almoço, vários passeios em um só dia etc. Por isso, procure a que melhor te atender com os “adicionais” e que lhe seja mais simpática.
 
Acabamos optando por contratar três passeios – para a estadia em 04 (quatro) dias, e no outro, desvendamos a cidade a pé.

No inverno não vale a pena alugar um carro, pois nem todos tem habilidade para dirigir na neve. É possível contratar táxis, mas para um dia de passeio, acaba não compensando muito. 
 
Escolhemos a empresa Brasileiros em Ushuaia, e fizemos os passeios: Aventura e Neve, Mega Tour Inverno e Navegação no Canal Beagle.
 
No passeio Aventura e Neve a empresa te leva para um centro invernal, e engloba caminhada com raquetes de neve, trenó com cães, moto neve (snowmobile) e “esqui bunda”. No local há almoço, servindo-se a comida típica local, que é o cordeiro patagônico. Foi excelente para crianças.

 

 

O Mega Tour Inverno engloba o passeio ao Trem do Fim do Mundo (valor do trem pago a parte). O passeio também é de um dia inteiro e se inicia no Parque Nacional Tierra del Fuego, indo até a Ruta 3, Baía Lapatáia, seguindo para o Centro Invernal no Glaciar Martial. Ao final, há patinação no gelo.
 
 
A navegação no Canal Beagle é passeio obrigatório! É possível observar pássaros e lobos marinhos, além do Farol Les Eclaireus.
 

Além destes passeios, esta empresa oferta passeio de helicóptero e expedição off road pelos lagos. Para saber mais, é só visitar o site.

 
Se você não quiser contratar uma empresa, para fazer a navegação no Canal Beagle basta se dirigir ao porto de Ushuaia. São várias empresas que ofertam a navegação, e no inverno é possível ver os lobos marinhos. No verão os turistas podem observar os pinguins (inúmeros!!!) na pinguineira.
 
O Trem do Fim do Mundo, com locomotiva a vapor, levava presos há cem (100) anos e percorre o sinuoso rio Pipo, passando pelo bosque e cascata Macarena. Desde 1994 há passeios regulares. Chegue cedo, pois há apenas alguns horários. Quando há muita procura outros trens saem também, mas não é sempre. Confirme no site www.trendelfindelmundo.com.ar 
 
 
 
O trem fica dentro do Parque Nacional Tierra del Fuego, o lugar mais bonito de Ushuaia. Árvores, estradas, castores, córregos.. e a Baía Lapatáia.
 
É às margens da Baía Lapatáia que está o final da Ruta 3 – a via que leva Ushuaia até o Alasca!!
 
 
A maior e melhor estação de esqui é a Cerro Castor. Para chegar até ela é preciso seguir pela Rota 3 (desde o centro da cidade) por cerca de 30 (trinta) minutos. É possível comprar antecipadamente os ingressos. Há pistas para iniciantes e para os mais experientes, inclusive sendo local para treino de atletas.
 
Lembre-se que se você não tiver roupa apropriada e também esqui/snowboard terá que alugar (é possível alugar na estação de esqui e no centro da cidade).
 
Para aqueles que não quiserem investir muito na estação de esqui, há como opção a pista do Glaciar Martial – a pista é gratuita, com aluguel apenas dos equipamentos (Por exemplo, a aula de esqui para uma pessoa sai por $520 na alta temporada). É suficiente para as crianças.
 

Ao lado da pista do Glaciar Martial fica a Casa de Té – que lugar lindo! Parece uma casa de bonecas! Trata-se de uma tradicional casa de chá com quitutes, chás, chocolates, e muitos utensílios para saborear chás em sua residência.

 

No centro da cidade visitem o Museu Marítimo e do Presídio, pois ele o início de Ushuaia… as celas, os moradores, com imagens e também réplicas. Os prisioneiros de Ushuaia eram delinquentes autores de graves delitos, alguns, inclusive, com prisão perpétua. O primeiro grupo chegou à cidade em 1896 e era formado por 14 detentos, posteriormente, outros 20 presos foram voluntariamente para o local. O ingresso custa $150 (cento e cinquenta pesos) e pode ser usado em 48h.
 

As dicas são todas do inverno, mas no verão também é possível desbravar Ushuaia com outros olhares. Já penso em voltar lá nesta época!!

 
Não se esqueça de ir aos Correios (na Av. San Martín) e carimbar seu passaporte com o Fim do Mundo!! (Também é possível carimbar no Trem do Fim do Mundo)
 
Hotel: Los Naranjos – Você pode escolher um hotel aqui!

ORGANIZANDO SUA VIAGEM:

Buscando um hotel ou apartamento? No Booking você encontra diversas opções e ajuda o Blog a crescer sem qualquer custo na sua diária!

Alugue seu carro com a Rentcars, parceira do Blog!

Se precisa de um seguro saúde, faça a cotação com nosso parceiro: Seguro Viagem Allianz.

 

Já segue o blog nas redes sociais? Aproveite: curta e compartilhe!

Facebook:Um Olhar Novo

Instagram: @blogumolharnovo

Twitter: @UmOlharNovo

 

Matérias que você pode gostar também

2 Comentários

  • Responder
    Jacqueline Thomaz
    16/07/2016 em 09:41

    Boa Tarde!!

    Adorei seu post, esta sendo bem útil pois estou indo agora em agosto.

  • Responder
    Um Olhar Novo
    16/07/2016 em 10:04

    Que ótimo Jacqueline! Espero que curta muito sua viagem!! Se quiser, poste suas fotos no instagram com a #blogumolharnovo para um repostt! 🙂

  • Deixe um comentário

    error: Content is protected !!