0

Como encaminhar dinheiro para o exterior?

Muitas vezes precisamos enviar dinheiro para o exterior, e não sabemos como.

Pode ser para pagar um curso a ser feito, para a compra de ingressos, ou de um serviço a ser prestado (Vamos conversar sobre um roteiro personalizado para sua viagem para Portugal?).

E aí? Como encaminhar o dinheiro? E qual a melhor opção para mim?

Venha ler e se decidir!

Transferwise:

A primeira opção é o Transferwise. Trata-se de uma instituição de dinheiro eletrônico autorizada e regulada pelo sistema financeiro do Reino Unido.

É o sistema mais econômico que conheço para enviar dinheiro do Brasil para o exterior, pois as taxas são as menores do mercado.

Desde o ano de 2018, o Governo Brasileiro determinou a cobrança de IOF para as remessas de valores do Brasil para o exterior, e isso fez com que o Transferwise cobrasse uma taxa maior dos seus usuários. Porém, continua sendo mais vantajoso.

Se encaminhar para si mesmo (conta pessoal no Brasil para conta pessoal no exterior), o IOF será de 1,1%; mas se enviar para terceiro (ou seja, para a conta de outra pessoa), o IOF é de 0,38%.

É possível enviar até R$9000,00 (nove mil reais) por mês.

Para fazer seu cadastro, clique aqui e vá direto para o site do Transferwise.

 

PayPal

Outro modo de enviar valores é pelo PayPal.

Com ele você pode enviar e receber valores, desde que o Pagador/Recebedor também tenha a conta no PayPal.

Também é possível vincular um cartão de crédito e de débito.

Por exemplo, quando efetuei minha inscrição no Mestrado da Universidade Nova de Lisboa, fiz o pagamento através dele, com o cartão que estava vinculado.

Isso por que muitas instituições estrangeiras não aceitam transferências bancárias do estrangeiro, e o PayPal acaba sendo uma opção.

 

Remessa Online

O Remessa Online funciona nos mesmos moldes do Transferwise. É preciso fazer um cadastro e ter endereço no Brasil.

Para realizar a primeira transferência já é preciso enviar documentos (identidade (RG ou CNH) e comprovante de residência – com data dos últimos três meses).

Depois, basta informar a conta de destino, e efetuar o pagamento, que se dá com a transferência dos valores para o Remessa Online (não há opção de pagamento por boleto bancário).

O procedimento é autorizado pelo Banco Central do Brasil.

Já há um limite de valor pré-aprovado, e caso queira enviar um valor superior, é preciso encaminhar o último imposto de renda.

Além do IOF cobrado (0,38% para titularidade diversa, e 1,1% para a mesma titularidade), há cobrança de taxa, que se altera em razão do valor enviado – por exemplo, para enviar R$1000,00 foi cobrada a taxa de $20 (vinte dólares).

Se quiser se cadastrar, pode fazê-lo aqui.

 

Bancos

Os Bancos de todo o mundo fazem transferências para outros bancos estrangeiros.

A parte ruim é o valor das taxas que são cobradas a cada transação realizada.

Por outro lado, se for um valor alto, e para um investimento específico, vale a pena pagar, pois lhe será exigido comprovar a origem do dinheiro – e isso acaba por facilitar (uma única transação e feita por outra instituição financeira).

Vale a pena conferir com seu próprio Banco o valor cobrado.

É preciso lembrar também que muitos bancos não possuem, em aplicativos de aparelhos celulares ou por transações através da internet, a opção de transferência para o exterior. Por essa razão, vale a pena conversar com o seu Gerente e deixar uma procuração para o Banco realizar esta transferência eventualmente.

 

WesternUnion

Através do WesternUnion é possível transferir até o montante de 5000 euros por transação, e os valores chegam em até três dias úteis.

Para valores superiores à quantia de 999,99 euros, precisam confirmar a identidade, ou seja, devem ser encaminhados documentos pessoais, e declaração de imposto de renda.

Segundo o site oficial, o valor da taxa para transação online é de 2,90 euros, mas quando fiz a estimativa do envio de 999,99, o valor da taxa foi elevado para 4,90 euros (para recebimento em numerário) e se manteve em 2,90 euros para o recebimento em conta bancária.

É que em Agências (lojas físicas), as taxas sejam de outra quantia, conforme informa o próprio site.

O que não ficou claro, através do site, foi a cotação da moeda no momento da transação. Isso faz toda a diferença, pois a taxa pode ser menor, mas com um câmbio desfavorável, e me deixou insegura para usar.

 

Vai viajar para o exterior? Veja todos os nossos Parceiros:

Reserve sua hospedagem com o Booking!

Quer reserva um carro? Veja com a RentCars!

Precisa de seguro saúde? Faça sua cotação com nosso parceiro: Seguro Viagem Allianz.

 

Já leu sobre Portugal? Tem várias dicas para aproveitar ao máximo:

Roteiro para Lisboa

Águeda e o festival Umbrella Sky

Onde comer pastéis de natas

Óbidos

Cascais e suas praias

Já segue o blog nas redes sociais? Aproveite: curta e compartilhe!

Facebook:Um Olhar Novo

Instagram: @blogumolharnovo

Twitter: @UmOlharNovo

 

Matérias que você pode gostar também

Sem comentários

Deixe um comentário